part

Cerveja Gangster ganha identidade verbal e visual para lançamento no mercado.

18 janeiro 2016
Nenhum comentário
2.069 Viram

O país do futebol é também o país da cerveja. Demorou, mas as cervejas artesanais estão cada vez mais conquistando uma fatia desse público que compartilha a paixão nacional. O interesse em explorar os diferentes sabores e misturas fez com que pequenos produtores criassem obras-primas até para os paladares mais exigentes. Além do porte da produção, as cervejas artesanais se diferem pelo seu processo. Isso porque as cervejas produzidas têm a maioria ou totalidade do seu teor alcoólico derivado da fermentação de ingredientes tradicionais, como cevada, trigo, centeio, aveia, ou inusitados, como frutas, ervas e especiarias.

Assim, as cervejas artesanais alcançaram as gôndolas de supermercado, os brindes entre família e amigos e o gosto popular. Hoje, as cervejas artesanais disputam espaço com reconhecidas marcas, inclusive entre elas.

Diante desse contexto, o cenário, até então favorável para criação de novos rótulos e receitas cervejeiras, tornou-se competitivo para os lançamentos. A Part Comunicação enfrentou o desafio de lançar uma cerveja artesanal, tornar a marca conhecida e conquistar um espaço à mesa dos apreciadores em parceria com o estúdio  Me Llama .

A marca a ser lançada não poderia ser só mais uma cerveja artesanal no mercado. O desejo era apresentar a essência do movimento de cervejarias artesanais como algo crescente e irreversível, algo longe dos modismos e, sim, próximo ao senso de liberdade de escolha. Uma marca com atitude e pitadas de provocação mostra a que veio a partir do nome: Gangster.

Como um dos objetivos era fugir do senso comum, o trabalho de identidade visual realizado pela agência foi para a contramão dos charutos e chapéus e se inspirou na malícia selvagem dos animais. O guaxinim, mascarado por natureza, possui tato e faro aguçados, habilidade manual, ótima visão noturna e inteligência.

Guaximim

O guaxinim empresta sua imagem misteriosa à marca. Para fortalecer a relação entre nome e símbolo, a agência relacionou vários ícones do universo criminoso dos gangsteres da década de 20 ao logo. O objetivo é assegurar originalidade e garantir sua essência cambiante, aquela que se transforma. No caso da cerveja, trazer essa transformação a cada gole. No caso da comunicação, trazer novas aplicações dinâmicas e estratégicas.

Gangster Cervejaria

Na criação dos rótulos, a equipe de criação buscou referências na essência fora da lei dos gangsteres. Fazendo alusão às tradicionais fotos de identificação criminal, a identidade visual brinca com o consumidor. Como se aquela cerveja proibida fosse presa para consumo próprio. A identidade verbal mantém a mesma brincadeira e apresenta o conteúdo nutricional e informativo como se tratasse de um arquivo do FBI.

Rótulo Mugshot

Rótulo Gangster

Uma comunicação pensada nos mínimos detalhes faz jus ao produto. Assim como a cerveja artesanal, cada ingrediente da identidade foi planejado para que o lançamento ficasse na memória e na cadeira cativa da preferência do consumidor. Assim, a Part Comunicação projeta uma vida longa e próspera para a marca, preparando-se para o desenvolvimento de novos conteúdos tão instigantes e saborosos quanto a Cerveja Gangster.



Nenhum comentário


Deixe um comentário

Saindo do forno…


Fale com nossa equipe


Adoramos a sua visita!

Será um prazer te receber para tomar um café e conversarmos sobre presença digital. Você também pode nos ligar no (31) 3411.1540 ou nos enviar um e-mail no part@part.com.br

mande uma mensagem

  • Facebook
  • instagram
  • Google Plus